VISIBILIDADE | Conheça um pouco da importância do Assistente Social na sociedade no cuidado e bem-estar

Publicado quarta-feira, às 17h44

O Dia do Assistente Social foi celebrado com uma programação especial no Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento nesta quarta-feira, 15, com o objetivo de dar maior visibilidade aos profissionais que atuam na unidade.

Posicionados no corredor principal do hospital, os assistentes sociais realizaram uma série de dinâmicas junto a outros profissionais, pacientes e acompanhantes.

Aproveitamos para esclarecer dúvidas das pessoas, tanto dos funcionários quanto dos usuários. Eles passavam e faziam perguntas relacionadas ao papel do assistente social dentro de uma unidade hospitalar. Muitos ficavam meio perdidos, sem saber exatamente qual é a nossa função , afirmou a Coordenadora do Setor de Serviço Social do HGR, Derlane Alcântara.

O Dia do Assistente Social foi instituído em virtude do Decreto 994/62, que regulamentou a profissão, assim como o surgimento dos Conselhos Federal e Regional da classe no país.

O assistente social é responsável por promover o bem-estar social e a justiça social do paciente, avaliando suas necessidades e oferecendo suporte emocional. Atualmente, o HGR conta com 38 assistentes sociais.

Nós atendemos em casos de óbito, pacientes sem referência familiar, pacientes sem documentação e pacientes desorientados que não conseguem fornecer informações. Então, buscamos identificá-los “, ressaltou Derlane.

Maria José de Nóbrega, de 64 anos, trabalha como assistente social na unidade há 22 anos. Ela destaca as evoluções que o setor conquistou ao longo das décadas.

O próprio conceito do Serviço Social foi amadurecendo, não só a nível hospitalar, mas também no Estado. Quando começamos, éramos apenas quatro pessoas. Hoje, somos um número muito maior, e a sociedade está começando a reconhecer a importância e a necessidade extrema do serviço social “, pontuou.


SECOM RORAIMA

JORNALISTA: Suyanne Sá

FOTOGRAFIA: Ascom/Sesau

Pular para o conteúdo